A fase da dor nas costas

A cada fase da gravidez surgem alegrias, emoções e alguns sintomas não tão bons assim no meu caso, com 23 semanas chegou o momento das dores nas costas.

dores-costas-gravidezMinha amiga Kenizia, gravida da Laurinha, já vinha reclamando desse incomodo a algum tempo e eu não sentia nadinha de nada (ela está com 2 semanas a mais que eu), mas a minha vez chegou.

Sexta feira foi feriado então resolvemos fazer uma viagem com os amigos e rodamos um total de mil km de carro, para mim foi muito dessa vez, já tinha feito essa viagem umas 10 vezes mas antes da gravidez.

Na volta estava com tanta dor nas costas que contava os segundos para chegar em casa, mas passei a noite com dor nas costas tão intensas que não me deixava dormir. E cá estou, com olheiras, dor nas costas e bem cansada.

Segundo  o ginecologista e obstetra Mariano Tamura, do Hospital Albert Einstein “Na segunda metade da gravidez, o centro de equilíbrio das gestantes muda, devido ao maior peso do útero. Isso aumenta a curvatura normal da coluna, o que causa um estresse nos músculos”.

Como evitar a dor

Atenção a forma como se abaixa 
Todos sabemos a forma correta de abaixar, estando ou não gravidas. Não devemos dobrar a coluna para pegar algo no chão e que o correto a se fazer é dobrar os joelhos e manter a coluna reta.

Mude de posição
Algo simples mas que funciona e mudar de posição sempre que possível. Quando se fica no mesmo lugar alguns músculos relaxam e outros se contraem e quando eles ficam por muito tempo contraídos causa dor. A solução é mudar de posição.

Durma do jeito certo
Não há posição melhor para a grávida dormir do que de lado com os joelhos e coxas um pouco flexionados. Muitas mulheres dormem de barriga para cima mas segundos os estudos nessa posição o peso do útero causa pressão nos nervos das costas e provoca dores.

esportes-e-gravidez-nadarExercite-se
Fazer exercício físico é sempre bom mesmo durante a gravidez, a hidroginástica e a caminhada são classificadas como os melhores exercícios durante essa fase da vida, mas como cada pessoa é diferente na outra consulte seu médico e pergunte a ele qual o melhor exercício para você.

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

w

Conectando a %s